terça-feira, 7 de outubro de 2008

Já imaginou Auditoria Ambiental...

Isso é comum....em Usinas de Cana produtoras de álcool e açúcar que pegam empréstimo do BID, mais ainda.

Agora passar no mesmo dia por cidades com estes nomes, não dá!

São José do Rio Preto, ok!
Oríndiuva, o ourinho da uva?
Riolândia, até parece sabe o que...
Pontes Gestal, seria esta uma ponte entre a gestão ambiental e uma cidade desconhecida?
Cardoso, beleza vai, essa passa.
Mira Estrela, lembra-me brilha brilha estrelinha onde é que você está...
São José do Marinheiro, o São José era gay e eu não sabia!
Ouroeste, não dava pra separar uma palavra da outra?
Populina, acho que era pra pra ser Populosa, mas não é!
Turmalina, isso é uma pedra?
Dolcinópolis, seriam todos donos ou filhos de donos de bomboniere?
Vitória Brasil, na copa e nas olimpíadas até faz algum sentido...
Jales, descendente de Gales?
Estrela D'oeste, lembrou-me Santa Bárbara D'oeste.
Fernandópolis, terra onde o Tripa nasceu...
Cosmorana, é...tudo leva ao cosmos.
Votuporanga, mistura de Votorantim com Iporanga.
Tauabi, indígena na certa!
Bálsamo, Estância Turística das Fragrâncias.
Ufa.....mais uma dessas seria demais pra minha cabeça....

Um comentário:

Blog do Baltazar disse...

Oi André.
De Fernandópolis conheço alguns que já foram de minhas relações.
Mas não fica aborrecido não porque ainda tem Analândia, Alumínio e outras mais.
Abraço e saudações
Baltazar